Teatro: Os intocáveis

Ingressos para a peça Os Intocáveis estão disponíveis para venda no Departamento Cultural.

intocaveis_2

Originada do filme francês de mesmo nome, a trama narra a história de Philipe (interpretado por Marcello Airoldi), um milionário que vive infeliz desde que ficou tetraplégico em razão de um acidente. Ele então contrata Driss (Val Perré) como cuidador, um rapaz malandro e inexperiente, mas que lhe apresenta uma nova visão de mundo e devolve a alegria a vida do paciente.

A apresentação ocorrerá no Teatro Renaissance, no dia 20 de fevereiro, às 21h.

Alunos de Teatro entram em cena

Os alunos da 1.a e 2.a séries do Curso Livre de Teatro se apresentaram em dois dias no Teatro Folha. No primeiro, eles encenaram a peça A filha de Maria Angu e no segundo, A revolução dos beatos. Ambas apresentações tiveram direção de Fernando Borges.

curso_teatro_2015_1

O texto interpretado pelo primeiro grupo era uma opereta e constituiu a primeira apresentação musical desde a existência do grupo. Para isso, o Colégio contou com a presença do músico profissional Anderson Sotero, que tocou ao vivo durante a encenação .”Isso contribuiu para que a montagem ganhasse a cor necessária, pois os alunos assimilaram rapidamente os fundamentos para que cantassem ao vivo com desenvoltura e segurança”, afirmou Fernando Borges.

curso_teatro_2015_5

Já no segundo dia de apresentação, a turma encenou o texto do dramaturgo Dias Gomes. A trama se passa em Juazeiro do Norte, cidade do Padre Cícero, e narra um episódio de fanatismo religioso sob uma ótica política da situação.

curso_teatro_2015_2

A peça também explora dança e elementos regionais do nordeste. ” Não foi menos difícil, entretanto, os alunos se mostraram capazes de enfrentar o desafio que lhes foi proposto”, contou o professor.

curso_teatro_2015_6

A grande novidade deste ano, porém, aconteceu durante todo o processo. A abertura da turma de teatro também para a 1.a série trouxe mudanças positivas para o resultado final do curso, segundo o diretor. “As trocas, a parceria, a amizade entre as diferentes idades só trouxeram benefícios. As turmas cresceram e ganharam a força necessária para apresentações de fôlego, fazendo crer que a permanência de vários desses alunos em 2016 garantirá ao grupo de teatro atuações ainda mais desenvoltas e maduras”, declarou.

Para conferir a galeria de imagens, clique aqui.

Peça “Do Tamanho do Mundo”

A peça Do Tamanho do Mundo, protagonizada por Mateus Solano, leva ao palco do Teatro Renaissance uma reflexão sobre o homem contemporâneo e sobre a automatização de sua rotina. O personagem, ao longo peça, deixa de ser o autor de sua própria história e passa a ser um mero repetidor do cotidiano.

amateusd_pronta2

Na trama, Arnaldo (Mateus Solano) acorda e se sente como uma folha de papel em branco, perdido dentro de sua própria liberdade. Ele precisa então reconstruir conceitos e escolhas e reaprender a viver em sociedade. Para ajudá-lo, sua esposa, a executiva Marta (Karine Telles), e ele começam a se perguntar se as escolhas que tomaram até então são suas ou foram impostas pelo destino.

Os ingressos para a peça estão disponíveis no Departamento Cultural.

“Brincar de Pensar” em exibição exclusiva

No último sábado, 12 de abril, os alunos do Band puderam assistir, em exibição exclusiva, à peça Brincar de Pensar, baseada em uma série de oito contos da escritora Clarice Lispector. Através de uma linguagem poética e multimídia, a peça busca transmitir para “pessoas grandes e pequenas” as reflexões existenciais dos textos de Clarice.

IMG_3672

“Eu gostei da ideia de misturar várias histórias porque é diferente do que a gente está acostumado.”, comenta Isabela Castro do 8.o ano. “Eu já tinha lido alguns textos da Clarice, mas era muito difícil de entender, por isso achei que o teatro ajudou a entender mais os contos”, completa.

IMG_3680

A peça contou com uma acentuada participação de pais, alunos e professores. Durante os oito capítulos, os atores dão vida aos contos de Clarice em uma divertida e reflexiva encenação.

 

Teatro: A Toca do Coelho

Já estão disponíveis no Departamento Cultural os ingressos para a peça teatral A Toca do Coelho, com Maria Fernanda Cândido e Reynaldo Gianecchini. O espetáculo acontece em 23/02 (domingo), no Teatro Faap.

a-toca-do-coelho-teatro-faap_emcartaz

A peça conta a história de um casal que tenta superar a morte do filho de 4 anos, lidando como podem com a perda e a dor. Entretanto, o momento, que poderia uni-los, só serve para apartá-los mais e mais.

Trata-se da primeira versão brasileira para o texto de David Lindsay-Abaire, montagem norte-americana que estreou na Broadway em 2006, arrebatando uma série de prêmios.

Corra já para o Cultural e garanta a sua presença nessa apresentação marcante!

Cara a cara com Fagundes

Depois de assistirem à peça Tribos, com Antonio Fagundes, o grupo de espectadores do Band, que compareceu ao evento por meio dos ingressos adquiridos no Colégio, teve a oportunidade de participar de um bate-papo com o ator, sobre o interessante tema ressaltado em sua obra teatral: a falta de aceitação, compreensão e liberdade no universo do deficiente auditivo.

peça_tribos

Além de serem questões de grande recorrência na vida de um deficiente auditivo, estas são muitas vezes tratadas de forma equivocada no convívio cotidiano. A peça visa justamente mostrar ao público um universo muitas vezes desconhecido por quem não convive com um surdo (denominação usada sem receios durante a performance).

peça_tribos2

“Durante a conversa estavam presentes vários deficientes auditivos, que contaram histórias de momentos em que se sentiram totalmente à parte do cotidiano de suas casas”, comenta a professora Inês Vilhena, presente na conversa. “Os presentes contaram que até dentro da própria comunidade eles sofrem com o preconceito. É interessante poder participar de um debate assim, porque de certa forma te ajuda a ver com outros olhos um universo que muitas vezes a gente nem imagina ao observar a vida dessas pessoas de longe”, completa.

A funcionária Nádia Rodrigues, também presente no dia, chama atenção para a abordagem de Fagundes sobre a questão da família nesse contexto. “Foi um projeto belíssimo do Antonio Fagundes. Foi uma forma maravilhosa de mostrar esse mundo, que parece tão distante pra quem não está acostumado. É impossível compreender a situação completamente quando não se tem um amigo próximo ou um familiar nessas condições”, explica.

Peça “Tribos”, com Antônio Fagundes

Para os amantes do teatro já estão disponíveis no Departamento Cultural os ingressos para a peça Tribos, apresentação do dia 26/10, às 21h. Com o gênero de “comédia perversa”, este interessante espetáculo conta com a participação de grandes nomes do mundo teatral, como Antônio Fagundes, Bruno Fagundes, Arieta Correia, Eliete Cigaarini, Guilherme Magon e Maíra Dvorek.

elenco-da-peca-tribos-com-antonio-fagundes-e-o-filho-bruno-fagundes-1378495942199_956x500

“Tribos” aborda o tema da surdez universal, dividindo a questão em duas categorias: a daqueles que não conseguem ‘calar-se’ por tempo suficiente para entender uma realidade diferente de sua própria; e a dos surdos que são fisicamente incapazes de receber estímulos sonoros. Com isso, o espetáculo pretende abrir a questão: existe surdez maior que o preconceito, que o orgulho, que a ignorância, o egoísmo, a falta de amor?

13268325