Deborah Colker : “Cão sem Pluma”

Já estão disponíveis no Departamento Cultural ingressos para apresentação de “Cão sem Pluma”, da Companhia de dança Deborah Colker, no dia 31 de agosto, no Teatro Alfa.

4x4

Misturando poesia, cinema e dança, o espetáculo “Cão sem Pluma”, criado pela diretora e coreógrafa Deborah Colker, é baseado no poema homônimo de João Cabral de Melo Neto, que trata da miséria e destruição da natureza no estado de Pernambuco.

Tudo isso é complementado por um documentário que, ao ser exibido, se mistura aos dançarinos.

Grupo Corpo estreia “Gira”

Os ingressos para as apresentações dos dias 10 e 12 de agosto, no Teatro Alfa, do espetáculo de estreia Gira, do Grupo Corpo, já estão disponíveis no Departamento Cultural.

grupo_corpo_2017_1

Inspirada nos ritos da umbanda e dedicada a Exu, “Gira” conta com coreografia de Rodrigo Pederneiras e trilha musical composta exclusivamente para o espetáculo pelo grupo paulista “Metá Metá”,  que possui forte influência africana.

grupo_corpo_2017_3

A abertura ficará por conta de “Bach” (1996) com coreografia de Rodrigo Pederneiras e música de Marco Antônio Guimarães, inspirada na obra de J.S.Bach.

Temporada de Dança: Mimulus Cia. De Dança

A Companhia de Dança Mimulus se apresenta na Temporada de Dança do Teatro Alfa, nos dias 22 e 23 de outubro. O programa trará a coreografia Do lado esquerdo de quem sobe, com a direção artística de Jomar Mesquita.

do-lado-esquerdo-de-quem-sobe-foto-guto-muniz-2-jpeg

Famosa no cenário de dança brasileira, a companhia fundada em 1994 foi a primeira a ganhar premiações nos principais festivais do país e a receber indicações para prêmios internacionais. O professor, coreógrafo e bailarino, Jomar Mesquita, dirige os espetáculos da Mimulus há mais de 15 anos criando uma linguagem própria e inovadora a cada apresentação.

O espetáculo “Do Lado Esquerdo de Quem Sobe” já passou por países como a França, Espanha e Estados Unidos e busca construir, descontruir, subverter e reler a dança e a vida.

Mais informações e ingressos no Departamento Cultural.

Grupo Corpo

O Teatro Alfa receberá mais uma temporada de dança do Grupo Corpo nos dias 6 e 11 de agosto. Desta vez, as performances serão sobre as peças “Lecuona” e “Dança Sinfônica”.

grupocorpo2

O espetáculo “Dança Sinfônica” foi criado em 2015 para a comemoração de quarenta anos da Companhia, alcançando muito sucesso.

grupocorpo3

A partir da música composta por Marco Antônio Guimarães, Rodrigo Pederneiras criou o espetáculo com base em seus melhores elementos, desenvolvidos nos 34 anos como coreógrafo residente da Companhia.

grupocorpo1

“Lecuona”, por sua vez, é antigo. Foi no ano de 2004 que o Grupo Corpo apresentou pela primeira vez as canções de Ernesto Lecuona (1895-1963). Segundo Pederneiras, duas décadas após ter se sensibilizado com as belíssimas composições românticas.

Os ingressos para as apresentações estão à venda no Departamento Cultural.

Temporada de Dança em julho: Sankai Juku

A Companhia Sankai Juku se apresenta na Temporada de Dança do Teatro Alfa nos dias 23 e 24 de julho. O programa trará a coreografia Meguri, com direção artística de Ushio Amagatsu.

sankai-juku-2-1463580853

Criada há mais de quatro décadas, a Sankai Juku consolidou-se como a mais renomada companhia de dança contemporânea japonesa, tornando-se uma das maiores expressões de dança na Ásia e referência na cena internacional. Ushio Amagatsu, criou uma estética singular, concentrada na articulação da linguagem corporal, buscando encontrar o equilíbrio entre a universalidade serena e a crueldade.

O espetáculo Meguri, refere-se à Meguru, um ciclo, como o da água. O significado da peça, portanto, se estende aos movimentos cíclicos da vida, como por exemplo, a passagem dos anos e a mudança das estações.

Mais informações sobre a data e ingressos no Departamento Cultural.

Temporada de Dança em junho: Companhia Deborah Colker

A Companhia de Dança Deborah Colker se apresenta no Teatro Alfa nos dias 29 e 30 de junho. O Grupo exibirá o programa VeRo, um mix dos espetáculos Velox e Rota.

deborah colker1

Desde a fundação da Companhia, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro em 1994, a coreógrafa criou 11 espetáculos de caráter inovador. Com um repertório sólido, Déborah Colker construiu um percurso de prestígio e reconhecimento tanto no Brasil, quanto no exterior.

IMAGEM-DA-PGINA----deborah-colker-1462820058

Na Temporada de Dança do Teatro Alfa, o grupo traz uma fusão de dois trabalhos com maior sucesso de público da Companhia. Velox e Rota apresentam uma forte relação com os esportes, fazendo uma bela homenagem às Olimpíadas de 2016.

Mais informações sobre a data e ingressos no Departamento Cultural.

Temporada de Dança: Balé da Cidade de São Paulo

O Balé da Cidade de São Paulo apresenta-se na Temporada de Dança do Teatro Alfa entre os dias 24 e 27 de Setembro. O espetáculo conta com os programas Cacti (2014), de Alexander Ekman, e Adastra (2015), de Cayetano Soto. A apresentação ainda contará com música executada ao vivo pela Orquestra Experimental de Repertório e pelo Quarteto de Cordas.

banner-home-page----bcsp-2-1440422117

O Grupo foi criado em 1968, com o objetivo de acompanhar as óperas do Theatro Municipal e se apresentar com obras de repertório clássico. Iniciaram a carreira internacional com a participação na Bienal de Dança de Lyon, França, em 1996 e desde então suas turnês europeias tem sido aclamadas tanto pela crítica, quanto pelo público.

20140814_-cacti_foto_sylvia_masini-35-jpg

O rigor e padrão técnico do elenco e equipe artística da companhia atraem os mais importantes coreógrafos brasileiros e internacionais interessados em criar obras para seus bailarinos e artistas.

cacti-foto-sylvia-masini-3

Ingressos para a apresentação do dia 25 de setembro já estão disponíveis para venda no Departamento Cultural.

Temporada de dança: Akram Khan

A Temporada de Dança do Teatro Alfa apresentará Akram Khan, aclamado internacionalmente após sua contribuição para a Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012. O dançarino apresentará “Desh”, uma nova performance solo elogiada como “o trabalho mais urgente, bonito e confiante de sua carreira”.

Vertical Road_Akram Khan

O espetáculo mira as histórias que lhe foram contadas quando criança, mas a partir da perspectiva de um homem adulto. “Desh” mescla com êxito a tradição de contar histórias da Kathak (dança típica indiana) com o deslumbramento técnico da dramaturgia ocidental.

“É sobre diferentes gerações, sobre como nós carregamos memórias e como guardamos memórias”, explica Khan. “É uma história muito mais universal do que Bangladesh. No seu centro está uma criança em crise”.

A performance acontecerá no dia 18 de outubro, sábado, às 20h, no Teatro Alfa. Ingressos disponíveis no Cultural.

Dança: Akram Khan no Teatro Alfa

A São Paulo Companhia de Dança volta a se apresentar na Temporada de Dança do Teatro Alfa, em São Paulo, em 18 de outubro. O artista a se apresentar é Akram Khan, famoso e respeitado no Reino Unido.

Akram Khan1

Sua reputação foi construída com o sucesso de produções criativas, tais como Vertical Road, Gnosis e Zero Degree, e também graças à sua contribuição singular para a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Movendo-se entre a Grã-Bretanha e Bangladesh, Khan tece fios da memória em um mundo surreal, com conexões surpreendentes.

Na Temporada Alfa 2014, Akram Khan apresentará Desh, performance solo dançada pelo próprio coreógrafo, elogiada como o trabalho mais oportuno e belo de sua carreira. Seu solo Desh estreou em 2011, em Nova Iorque, e olha para as histórias que lhe foram contadas na infância, mas a partir da perspectiva de um homem adulto.

O espetáculo mescla com êxito a tradição de Kathak de contar histórias. O artista se transforma para interpretar vários papéis, com os recursos técnicos da dramaturgia ocidental.

Ingressos disponíveis no Departamento Cultural.

Dança: Alonzo King Lines Ballet

A Temporada de Dança, no Teatro Alfa, apresentará Alonzo King Lines Ballet, uma companhia de balé contemporâneo, sediada em São Francisco, EUA, conduzida desde 1982 pela visão artística singular de Alonzo King. Com a colaboração de compositores notáveis, músicos e artistas plásticos de todo o mundo, King cria obras baseadas num conjunto diversificado de tradições culturais profundamente enraizadas, dotando o balé clássico de um novo potencial expressivo.

Na Temporada Alfa 2014, a companhia Alonzo King Lines exibirá Constellation, espetáculo luminoso e lúcido, abrangente e íntimo, que explora a orientação de nossos corpos para a luz.

LinesBallet_0606

Colaboração inovadora com o artista Jim Campbell, o espetáculo é marcado pela música barroca, pelos elegantes figurinos de Robert Rosenwasser e pela sutil iluminação de Axel Morgenthaler.

Os ingresos para este espetáculo, que ocorrerá dia 27 de setembro às 20h, estão disponíveis no Departamento Cultural. Não perca!